CTA GRANT FUNDO 2ª JANELA

1
645

 

Excelentíssimos Senhores,

A CTA, com apoio da USAID, lançou no passado dia 19 de Julho a segunda janela do Fundo de Apoio Associativo, através do qual a instituição coloca à disposição das associações empresariais membros, recursos financeiros para o desenvolvimento das suas actividades.

Neste contexto, encontre abaixo a Nota de Solicitação de Propostas que inclui os procedimentos para candidaturas, o formulário de projecto e o formulário de orçamento.

1 COMENTÁRIO

  1. sou consultor na area de geologia e minas desde 2007 e estou inscrito no MIREME e tambem no MITADER. Por via disso em 2008 registei a minha empresa GEOFISICA DE MOCAMBIQUE, LDA para, desta forma poder lidar com empresas sempre que for solicitado a prestar servicos. Antes do decreto 31/2015 de 31 de Dezembro do Regulamento da Lei de Minas que obriga que apenas empresas podem pedir Licencas de Prospeccao e Pesquisa para minerais, a maior parte dos meus clientes eram pessoas singulares. Por isso eu tambem pedi nessa altura titulos mineiros em meu nome pessoal. As pedreiras e areeiros e licencas de comercializacao de minerais ainda podem ser pedidos em nome individual. O PROBLEMA e que o CTA nao esta aceitar financiar pessoas singulares que tem pedreiras. exigem auditorias. Mesmo se for empresa tambem querem AUDITORIAS. A CTA acha mesmo que empresas emergentes de mocambicanos descapitalizados podem ter AUDITORIAS FEITAS nos ultimos 3 anos? Se querem promover o CONTEUDO LOCAL acho absurdo essa exigencia. O que vai acontecer e DAR OPORTUNIDADE a CORRUPCAO. Quem vai ficar a beneficiar com isso sao os auditores porque vao ARRUMAR AUDITORIAS DE EMPRESAS so para as tornar elegiveis aos financiamentos! Eu perdi tanto tempo a contactar empresas chinesas que produzem EQUIPAMENTO para minas, como BRITADEIRAS, BULDOZERS, PAS GARREGADORAS, ETC…ETC…. submeti o projecto na CTA e me dizem que NAO SOU ELEGIVEL!!!! Acho que a CTA, se quiser promover o CONTEUDO NACIONAL, Pode encontrar outros mecanismos para garantir que os fundos sejam bem geridos pelos mocambicanos que querem abracar NEGOCIOS! Pode criar um GABINETE DE ASSESSORIA AOS EMPRESARIOS EMERGENTES, para controlar os financiamentos. Ha muitos jovens que acabaram cursos de gestao de empresas ou gestao financeira e podem estar nesse GABINETE da CTA e ajudar os mocambicanos que pedem financiamento da CTA GAE. Quando a America criou o PLANO MARSHAL para a Alemanha destruida depois da segunda guerra mundial, sera que os alemaes tinham empresas auditadas?? Se estava tudo destruido? O que vai acontecer e que os financiamentos so vao parar nas mesmas empresas da PRACA! Elas e que vao abocanhaR TUDO…E nos que queremos comecar NUNCA VAMOS TER OPORTUNIDADE. Jacinto Sitoe(Mestre em geofisica e gestao de recursos minerais; consultor de geologia e minas; consultor de AIA; doutorando em Energia e Meio Ambiente.

DEIXE UMA RESPOSTA