CONFEDERAÇÃO DAS ASSOCIAÇÕES ECONÓMICAS DE MOÇAMBIQUE

CONFEDERAÇÃO DAS ASSOCIAÇÕES ECONÓMICAS DE MOÇAMBIQUE

LONGAS FILAS NA FRONTEIRA DE RESSANO GARCIA E FALHAS NO SISTEMA DE TRANSAÇÕES BANCÁRIAS SÃO OS MAIORES CONTRANGIMENTOS VERIFICADOS NA QUADRA FESTIVA EM CURSO

LONGAS FILAS NA FRONTEIRA DE RESSANO GARCIA E FALHAS NO SISTEMA DE TRANSAÇÕES BANCÁRIAS SÃO OS MAIORES CONTRANGIMENTOS VERIFICADOS NA QUADRA FESTIVA EM CURSO

A CTA e várias instituições parceiras, com destaque para o Ministério da Indústria e Comércio (Direcção Nacional de Comércio Interno), INAE, SENAMI, Comando da PRM, Direcção Geral das Alfândegas e Direcção Nacional de Turismo, fazem um balanço positivo do curso da quadra festiva. Contudo, observaram-se alguns constrangimentos, com destaque para as enchentes na fronteira de Ressano García que
podem inibir a entrada de turistas sul-africanos, bem como as falhas do sistema dos
bancos.

Em Conferência de Imprensa conjunta concedida para fazer o balanço da quadra festiva em curso, a CTA apresentou os resultados do inquérito lançado semana passada sobre o curso quadra festiva, com uma amostra de cerca de 700 empresas, com objectivo de monitorar o curso da quadra festiva.
Os resultados do inquérito mostram também que a quadra festiva está a correr bem e as expectativas são moderadas, embora as percentagens de vendas estejam em alta.

No caso particular dos operadores de hotelaria e restauração reportam melhorias e consideram que a quadra festiva está a trazer bons negócios.

Dos constrangimentos relatados e que devem ser melhorados, sobressai a questão da fronteira de Ressano Garcia, o principal ponto de entrada terrestre no País, que tem estado a registar longas filas. Há casos de turistas que chegaram na fronteira nas primeiras horas do dia mas só conseguiram atravessar cerca das 20 horas. A CTA estima que alguns turistas sul-africanos têm estado a desistir de vir a Moçambique devido aos constrangimentos na fronteira.

Sendo o TIP – Temporary Import Permit o principal causador de longas filas, sugere-se a criação de uma plataforma de adesão on-line, e-TIP, portanto, um Temporary Import Permit on-line.

A mesma situação, embora com menor pendor, se tem verificado no Aeroporto de Mavalane, onde a busca de visto de fronteira provoca enchentes. Contudo, estima-se que mais de 30 mil turistas entraram no país e o movimento migratório indica a entrada de 31mil viaturas e a saída de 12 mil viaturas através da fronteira de Ressano Garcia.

Outro grande constrangimento reportado tem a ver com as transacções electrónicas. Os operadores reportam falham constantes do sistema, tanto nas ATMs bem como POS, incluindo internet banking.
Nestas alturas, a banca deve assegurar interoperabilidade e prever vulnerabilidades do seu sistema para garantir continuidade das transacções.

A CTA vai continuar a fazer a monitoria do curso dos negócios neste período e convida a todos a responder o inquérito em circulação através do link: https://form.jotform.com/223562665070556

Facebook
Twitter
LinkedIn